quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Mais de 600 Vigilantes de unidades saúde de todo o estado entram em greve por tempo indeterminado

Seiscentos e oitenta e seis vigilantes que atuam em hospitais da rede estadual entraram em greve nesta quarta-feira (13). Os servidores contratados pela empresa Garra Vigilância, que presta serviços ao Governo do Estado, reivindicam o pagamento das férias de alguns funcionários, a remuneração referente ao mês de dezembro, além do pagamento do décimo terceiro salário. 

De acordo com o presidente do sindicato dos vigilantes, Francisco Benedito da Silva, a categoria paralisou as atividades durante a segunda-feira (11) e terça-feira (12), como forma de tentar pressionar a empresa para que os salários fossem pagos. A paralisação não surtiu efeito e, por esta razão, foi deflagrada a greve por tempo indeterminado. 

Segundo Francisco, a empresa "não fala nada", a Lei de Greve está sendo respeitada e 30% (trinta por cento) dos servidores estão em atividade. Unidades de saúde como o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, Hospital Dr. José Pedro Bezerra, Hospital Dr. João Machado, Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes já estão sendo afetados pela paralisação. 

Durante uma reunião entre o titular da Sesap, Ricardo Lagreca, e representantes do sindicato dos vigilantes, a Secretaria de Saúde reconheceu o atraso nos repasses para a terceirizada, mas, alegou que a empresa de vigilância deveria possuir um fundo de reservas para evitar o atraso no salário dos funcionários.  

Fonte: Tribunadonorte.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

MENSAGEM DE GRIMALDI E FAMILIA

MENSAGEM DE GRIMALDI E FAMILIA

Patrocinador

Patrocinador
Teodoro Guincho. Assistência 24 horas. contatos: (84) 9 9965 - 1032/ 9 9425 - 0377

Patrocinador

Patrocinador
Terra-Bit

Total de visualizações

Arquivo do blog

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *